MANIFESTO CONTRA O PRECONCEITO, MÚSICA : VAI SE BENZER

27 janeiro 2018

Para a música desta semana podemos usar um termo muito usado na internet; "Pisa menos".

Foto: Divulgação



O ato de se benzer é uma prática muito antiga presente em muitas culturas e religiões, tendo como finalidade afastar os males ou mal especifico. A música destaque nesta semana faz uma analogia a esse aspecto cultural e religioso,  com o titulo, VAI SE BENZER, lançada em novembro de 2007  interpretada por Preta Gil com participação especial de Gal Costa. 

Embora haja uma evidente relação as matrizes de religiões africanas, a música não tem cunho religioso, de fato, trata - se de um manifesto em resposta ao preconceito, seja ele por: religião, opção sexo, idade, gênero, financeiro, cultural...

O refrão trás uma autoafirmação de quem se é e nas entre linhas questiona quem é você que vive de julgar o outro, tendo em vista que a maioria das pessoas que tem tal atitude na verdade tentam esconder suas fragilidades, diminuindo o outro, o fato é que esse outro já reconhece-se e se aceita, ai então o preconceito fragmenta-se e deixa o preconceituoso vulnerável.
[...]


Eu, sou eu, diz ai quem é você

Sou eu, diz ai quem é você
Eu, sou, diz ai quem é você
Sou eu, diz ai quem é você.
[...]


Se a letra deixa algo subtendido o clip deixa tudo mais explicito. Dirigido por Adriano Alarcon com projeto de Nizan Guanaes, o mesmo foi filmado no empreendimento Cidade Matarazzo, nas ruínas do antigo Hospital Matarazzo, no coração de São Paulo, reuniu mais de 30 atores para representar a diversidade social, que ao longo do clip aparecem em vários momentos apontando o dedo, representando  a hipocrisia social, onde a maioria das pessoas não são capazes de ver suas próprias falhas, mas tem presa em apontar a do outro.

A música é linda, a batida é envolvente trás uma profunda reflexão e questionamentos que fogem ao conservadorismo,  uma reflexão a nossa realidade atual diretamente ligada as redes sociais, onde muitas pessoas encodem-se atrás de um perfil para impulsionar ainda mais o preconceito, os famosos haters. 

O clip é uma obra de arte, luz, fotografia, roteiro, figurino... Tudo é muito bem pensado em um trabalho de minúcia para passar a ideia de desconstrução do preconceito. Uma obra como esta merece respaldo e reconhecimento, por sua relevância e qualidade, pena que o gosto popular não preza por este estilo de música.

MAQUIAGEM: CORRIGINDO E PREENCHENDO A SOBRANCELHA

21 janeiro 2018

As sobrancelhas são determinantes na harmonia dos traços do rosto, quando bem desenhadas realça a expressão. Assim em toda e qualquer maquiagem estas merecem uma atenção especial.


Para quem gosta de um olhar marcado e expressivo, preencher as sobrancelhas com sombra e contornar com corretivo é uma ótima dica, alguns preferem o lápis, mas este não é muito indicado, o atrito do mesmo pode causar a perda de fios a longo prazo, deixado a sobrancelha com ainda mais falhas.
 Existe diferentes forma de fazer o processo e todos são simples e práticos, vou indicar o que mais uso. Vamos aos matérias:

  • Sombra marrom clara e escura
  • Pincel chanfrado
  • Pincel para pentear a sobrancelha
  • Corretivo 
  • Spray de cabelo (opcional)
O Spray de cabelo é um truque principalmente para quem vive com os fios bagunçados. Aplique um pouco no pincel para pentear e penteie os fios de baixo para cima, em seguida  faça um traço com a sobra marrom na parte inferior da sobrancelha iniciando com a mais clara e finalizando com a mais escura, não esqueça de esfumar tudo de baixo para cima, (uma outra opção é fazer um traço em cima e em baixo e esfumar tudo em movimentos de vai e vem) . Para deixar-las mais marcadas e definidas use o corretivo; a dica é usar um de tom mais claro na parte inferior e um outro mais próximo do tom da sua pele na parte superior.

Com essa técnica podemos ousar engrossando, afinado adaptando - a para o  design de preferência, isso com cautela, se você não tem experiência nem conhecimento sobre o assunto, opte em seguir o desenho natural.

O preenchimento de sobrancelha é um coringa,  quando você estiver sem tempo de fazer todo o processo de  maquiagem uma dica é realçar o olhar. Mas para quem prefere fazer todo os passos básicos, temos uma postagem aqui com  dicas básicas de materiais e seu uso.

RESPEITO

19 janeiro 2018

Por Auridiane Carvalho


O que seria de nós se não houvesse a diversidade?
Seria tudo sem graça sem cor, monocromático.
Divergir nos permite ir além
mesmos quando navegamos em águas turbulentas.

O diverso faz parte do universo
de você e de mim.
Nós, que fazemos parte deste entrelaçado
com teias de conflitos injustificados,
mas justificados por quem os alimentam.

Vivemos em um nós  limitado na discrepância social, 
só há um nós se for da mesma cultura, raça, gênero, religião...
Tudo é uma questão de opinião convergente,
se não convergir, não há interação.

É preciso ampliar em caráter de urgência 
a visão de mentes atrofiadas.
Preconceito, falta de respeito
desnaturam o direito de ser
são atitudes ultrapassadas.